quarta-feira, março 18, 2009

Certeza

O desejo é
.
uma certeza
.
que sempre
.
pergunta
.
de novo.
.
(texto e imagem: CeciLia Cassal - Fernando de Noronha, Brasil)

9 comentários:

Cosmunicando disse...

perfeito!

betopoeta disse...

poderia repetir, por favor?

...e a certeza é uma resposta que nunca deseja o novo?

Obrigado pela visita no abstratosfera. Estou sempre por aqui e gosto muito das tuas "composições"

Theo G. Alves disse...

"minha raiz me pede demais", disse o manoel de barros. e não é?

abraço!

Karine. disse...

Lindo.

O desejo é uma certeza que busca saciar-se e por isso nos questiona, nos revira.

Bjs

Quem é ela? disse...

Tenho uma certeza: o desejo nunca se satisfaz, nem quando está satisfeito.

Tenho uma dúvida: o desejo é a gula do coração?

Janaina Amado disse...

Ah, Cecília, lindo este poema, talvez o melhor seu que tenha lido aqui, pela concisão e capacidade de dizer tanto e de surpreender. Parabéns!
(A foto é dos 2 irmãos, não é?)

Paulo Bentancur disse...

CeciLia:

o desejo – como o poema – não se esgota mesmo. E se impõe pelo que vê e sente e, uma vez saciado, no minuto seguinte começa a folhear-se, a se percorrer, e querer reescrever tudo de novo. Teu poema é um acerto duplo (como toda peça literária legítima): na vida e na arte.

Beijos do teu leitor.

Mara faturi disse...

ai,ai...que belas imagens queri;)
bjos azuis!

Rubens da Cunha disse...

o desejo é um perguntador que tudo sabe